quinta-feira, dezembro 28, 2006

Instrumentos de tortura – O Esmaga Cabeças

Este instrumento (na foto) é Veneziano e foi utilizado entre 1500 e 1700. Provém de uma coleção privada de Richmond, Virgínia. EUA, pertenceu ainda à colecção Schmidt-Meidoff de Berlim e à extinta colecção Friedlander-Manin de Veneza.

Os esmaga-cabeças, vêem da Idade Média e gozam de boa aceitação, por parte das autoridades do mundo actual.

Colocava-se o queixo da vítima na barra inferior e o capacete era empurrado para baixo, por um parafuso.

Qualquer comentário parece supérfluo. Primeiro, destroçam-se os alvéolos dentários, seguido das mandíbulas, até que os olhos saem das órbitas e, finalmente, o cérebro, pelo crânio fracturado.

Ainda que hoje em dia, não sejam instrumentos utilizados para a pena capital, os esmaga-cabeças ainda se usam, por vezes em interrogatórios.

O capacete e a barra inferior actuais estão cobertos de um material suave, que evita o aparecimento de marcas na vítima.

Informações sobre a origem, autoria e motivação da publicação deste post, aqui.

2 Comments:

At 27 julho, 2007 20:58, Blogger NINHO DE CUCO said...

É útil recordar este instrumento de tortura para que se tenha sempre presente quanto a tortura é bárbara e que, infelizmente, não é só coisa do passado.

 
At 25 janeiro, 2009 19:47, Anonymous Anónimo said...

No teu post inicial sobre estes instrumentos esqueceste o ódio de "género"... tão ligado às questões do poder e do seu exercício!
A maioria das vítimas da inquisição e das suas torturas sórdidas foram Mulheres.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home